bikenauta

Outubro 31 2013

É como se escalássemos o céu.

É assim a subida de 15 km de Rio Preto a igreja da gruta do Funil.

Porém, para chegarmos lá é preciso passar pelos três, ou melhor, as três subidas. A primeira, bem esforçada, é a da Espírito Santo: vamos de 435 m à 810m em 6 km. A segunda, mais fácil, é a do Filho: descemos um pouco e vamos de 785 m a 945 em 5 km. A terceira, onde se faz uma penitência de botar a língua pra fora, mas nos dá uma indulgência quase plena, é a do Pai: vamos de 946 m a 1195 m em 2 km. Mas em sua misericórdia Ele nos dá uma descida alegre até 930 m.

Então, chegamos aos Paraíso onde nos refrescamos na lagoa do funil - aqui, se bobear, o ciclista pode ser tragado direto ao Inferno. Também visitamos a gruta santa subindo incontáveis degraus de pedra e depois ainda tem o Coelho.

- E o que é o Coelho Zé?

Ora, o que há além do Paraíso? Esse Coelho vamos tirar da cartola. Mas para ter tudo isso é preciso deixar a tibieza e vir. Os carros de Volta Redonda saem às 6 h deste sábado da pça Brasil, pegamos os colegas em Valença e tocamos para Rio Preto.

-Não tem uma outra opção não,Zé?

Tem, fique em casa vendo televisão e vá pro Purgatório.    

publicado por joseadal às 10:40

mais sobre mim
Outubro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

28
29
30


pesquisar
 
Tags

todas as tags

blogs SAPO