bikenauta

Fevereiro 15 2015

Depois de uma noite de chuva furiosa a manhã chegou encoberta, mas com um vento que afastou qualquer chuvisco. Depois de um gostoso café fomos passear nas dunas. Não andamos 1km da casa de Marcus e Eliane e subimos os morros de areia.

DSC06966.JPG

 Senti-me como um viajante perdido no deserto e meio morto de sede. Andei pelos altos das dunas, rolei sobre a areia bem compactada pela chuva, pulei e me diverti muito.

DSC06982.JPG

 A manhã passou sem percebermos.

No dia seguinte ao sábado saímos numa caminhada entre uma floresta de casuarinas.

DSC06992.JPG

Lindo o jogo de sombra e luz no meio daquele exército de árvores.

DSC06995.JPG

 O chão coberto de agulhas marrons dava mais cor ao ambiente e as poças d’água refletiam o céu.

DSC07000.JPG

Dia maravilhoso.

Mas havia mais para fazer nesta ilha maravilhosa. E no domingo fomos a praia de Moçambique.

DSC07011.JPG

Mar-aberto as ondas batiam num ritmo intenso e peguei jacarés fantásticos.

DSC07017.JPG

A areia molhada pelas ondas dava um piso espetacular para se correr e corri até ficar um pontinho distante para o amigo Marcus e sua filha Cláudia.

DSC07034.JPG

Mas sendo ciclistas deixamos o dia anterior a segunda feira para rodear a ilha pelo lado leste de Floripa.

DSC07037.JPG

Correndo numa ciclovia só demarcada no asfalto visitamos o Parque Estadual do Rio Vermelho, passamos pelo canal que troca a água da lagoa da Conceição com a água do mar e tiramos fotos no mirante.

DSC07048.JPG

 Programação de tirar o fôlego.

- Então, Zé, quantos dias você ficou em Florianópolis?

Na realidade tudo isto foi feito hoje, 15/02/2015, o dia mais longo de minha vida, sem contar aquela vez que levei Lili em outra ilha, a de Paquetá e, num canto isolado fingi que estava perdido e juntos fizemos 58 tons de cinza, se não mais.

publicado por joseadal às 18:23

mais sobre mim
Fevereiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

16
17
19
20
21

22
23
24
26
27
28


pesquisar
 
Tags

todas as tags

blogs SAPO