bikenauta

Fevereiro 04 2011

Na trilha do Professor, também chamada de trilha do Rastro tem gravado numa pedra a forma de um pé, um rastro. Todo ciclista que passa ali pela primeira vez tem de ouvir a estória, a lenda, de como se formou aquela marca na pedra. Mas a geologia dá outra explicação para a formação desta marmita, sim, porque é este o nome que os estudiosos das pedras dão a estas marcas.

"A Marmita é formada pelo desgaste da rocha pela água. Ela é muito comum em cachoeiras e se forma nas cheias, quando a água do rio, carregando grãos de areia, circula em pequenos redemoinhos sobre as rochas, gerando o seu desgaste".

Pronto, uma intrigante lenda de um mau filho que batia no velho pai e foi desintegrado por um raio deixando a marca do pé feio, com o qual chutava o pai, gravada em baixo relevo na pedra, foi para cucuia.

Aí vem João Bosco e diz: mas ali não passa rio nenhum e muito menos tem cachoeira!

Não tem agora, mestre João, diz o professor e nos dá uma lição do intemperismo.

"O que é Intemperismo? É o conjunto de fenômenos químicos, físicos, biológicos e antropogênico que provocam a alteração das rochas e seus minerais. No processo físico, a água desgasta lentamente as rochas pelo atrito. No químico, a água das chuvas, combinada com o dióxido de carbono do ar ou do solo, torna-se ácida, provocando a dissolução das rochas. No processo biológico temos a ação de bactérias, algas e protozoários, fungos e liquens, plantas e animais".

Todos estes são ao mesmo tempo parte e agentes da parte da Natureza que cuida da homogeneação das coisas. São forças ou senhores denominados por uns de Zeus e por outros de Ogum, quem pôe ordem no mundo.

Mas e o rio que não existe. Não existe mais, você quer dizer. Lembra das trombas d'água nas serras no entorno de Friburgo neste início de 2011? Gente que viveu em um lugar por muitos anos não o reconhece mais. Onde havia um campo de futebol agora é parte de uma encosta, o rio que passava aqui passa lá e onde se via casas agora está semeado de blocos enormes de pedra. No seu afã de igualar tudo a Natureza nivela montanhas ao chão e tirou do caminho difícil na serra da Carioca, em Rio Claro, o rio e a cachoeirinha que fez a marca do rastro ou a "marmita" nesta pedra. (foto de JBosco)

publicado por joseadal às 13:36
Tags:

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28


pesquisar
 
Tags

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO